Palavras do Presidente

Um grande desafio



Ao longo da trajetória da humanidade, os clubes sociais têm se mostrado de fundamental importância para uma comunidade, tanto pelo seu passado, como também pelo presente. São patrimônios e que precisam ser preservados, uma vez que remontam parte de nossa história.
Exemplos disso podemos observar através da arquitetura, acervos de fotos, atas e demais documentos que podem nos revelar preciosas informações do passado e da cultura de uma determinada localidade.

image

Além desta importância histórica, os clubes sociais possuem atualmente um papel ainda maior. Não são apenas locais para recreação e lazer. Hoje, estes se transformaram em verdadeiros centros para a prática esportiva. Tornaram-se sinônimos de saúde e bem estar.


Basta notarmos a grande procura que há por aulas de diversas modalidades distintas e o crescimento do mercado fitness. Maior parte das pessoas que frequentam algum clube social não está em busca somente de lazer, mas sim de qualidade de vida.


Todos estes fatores devem ser levados em conta, principalmente quando se administra um clube social. Quando assumimos a diretoria do Palmeiras Futebol Clube, em abril deste ano, sabíamos que havia um grande desafio pela frente. Como resgatar os associados em frente a atual situação financeira que o país enfrenta e, consequentemente, melhorar a receita do clube? Isso sem contar a grande responsabilidade que é conduzir as novas diretrizes de um clube tradicional de São João da Boa Vista e que tem quase um século de existência. Tudo isso pesa.


Diante de todo este panorama, iniciamos um verdadeiro processo de resgate do Palmeiras Futebol Clube. Precisávamos melhorar sua receita, enxugar gastos, aumentar a quantidade de sócios e dar a devida atenção àqueles que fazem parte de nosso quadro de associados. Precisávamos resgatar o prestígio do clube, uma vez que sua imagem também estava desgastada. Estas são as metas que estamos cumprindo e, graças de um meticuloso trabalho, estamos alcançando ótimos resultados.


Nestes primeiros meses de gestão, foram feitas várias mudanças. Reformulamos o quadro de aulas, adquirimos novos aparelhos para a academia e até estamos implementando novas atividades, como o judô, por exemplo – que em pouco menos de dois meses já tem atraído um grande número de crianças, adolescentes e adultos.


Mas a grande novidade certamente foi a criação do Clube de Campo do Palmeiras. Localizado nas antigas dependências do Vale Verde, o local passou por uma ampla reforma e adequação. São 23 mil metros quadrados com piscina, lago para pesca esportiva, quadras de areia, áreas de festas, quiosques com churrasqueiras, playground, restaurante, entre outros espaços.


Seus portões foram abertos para visitação em agosto e, mesmo com o pouco tempo de funcionamento, podemos notar que o Clube de Campo do Palmeiras tem se tornando um novo ‘point’ de São João da Boa Vista. Para se ter ideia, além da frequência normal de associados e visitantes, o local também tem recebido eventos tradicionais de nossa cidade, como a Caminhada da Lua Cheia – cuja edição ocorreu neste último final de semana – e também o IV Pedal Rotary, programado para o dia 24 de setembro e que promete reunir inúmeros ciclistas.


O Clube de Campo foi uma inovação estratégica para o Palmeiras, uma vez que veio a somar-se sua sede social – com academia, piscinas, quadra de jogos, salas para atividades físicas, lanchonete e outros espaços – e ainda o Estádio Getúlio Vargas Filho, o qual tem abrigado eventos e rodadas de competições importantes. Com tudo isso, podemos dizer que agora passamos a oferecer uma estrutura completa para a família sanjoanense.


Contudo, as novidades não param por aí. Além de investir em todas essas melhorias para os associados, precisávamos resgatar eventos tradicionais do Palmeiras. E o maior exemplo disso é o Baile Havaiano. Já iniciamos os preparativos para a festa e sua data já está definida: dia 11 de novembro. Através de um trabalho cauteloso de equipe, estamos programando uma festividade que promete marcar esta nova fase que o Palmeiras vivencia.


Manter um clube social não é uma tarefa fácil. Para que obtivéssemos sucesso em todo este trabalho que estamos desenvolvendo – desde as melhorias e as novas atividades até mesmo a abertura do Clube de Campo, entre outros mais – foi imprescindível a união de todos nossos colaboradores. Nossos professores, funcionários e prestadores de serviço ‘vestem a camisa’ do Palmeiras e têm nos dado uma importante ajuda ao longo desta etapa que o clube atravessa.


Como disse anteriormente, ainda há muitas coisas para serem feitas, contudo, estamos seguindo no rumo certo, procurando ficar em sintonia com as novidades do mercado, investindo em novos atrativos, valorizando nossos colaboradores e procurando ao máximo beneficiar nossos associados. Desenvolvendo tudo isso com um trabalho sério, transparente e democrático, pois somente assim é que poderemos superar os obstáculos e atingir nossas tão sonhadas metas.